Introdução - Rodney Mutter B.Sc., D.C. | Doutor em Quiropraxia

Introdução

Introdução à Técnica Sacro Occipital

O cérebro e a medula espinhal formam o sistema nervoso central que é o principal sistema de controle do corpo, coordenando todos os tecidos, órgãos e sistemas do corpo. O funcionamento e o controle de todos os órgãos e sistemas do corpo se realiza através de complexos impulsos nervosos gerados no cérebro. Estes se transmitem pela medula espinhal e raízes nervosas até chegar a todas as partes do corpo. As mensagens se transmitem através dos canais do nervo desde o cérebro aos órgãos e são retransmitidas dos órgãos de volta ao cérebro. Isto permite que o cérebro regule e controle todos os sistemas a fim de produzir um corpo saudável.

Fluxo do Líquido Cerebroespinhal (Líquor)

O líquido cerebroespinhal (Líquor) é produzido no cérebro e do cérebro é bombeado para a medula espinhal, ao redor da medula espinhal e do cérebro para sua posterior reabsorção. Uma membrana em forma de bolsa (a dura-máter) cobre o cérebro e a medula espinhal, que está submergida em líquor. O líquor atua como um amortecedor, protegendo este delicado mecanismo. O líquor proporciona alimento, elimina os resíduos e oferece um meio ideal para a condução da energia nervosa.

O Crânio e a Coluna Vertebral

Devido a sua importância, o cérebro e a medula espinhal estão protegidos por ossos. O cérebro pelo crânio e a medula espinhal pela coluna vertebral. A coluna vertebral é formada por 24 vértebras interespaçadas por amortecedores chamados discos, que permitem que a coluna vertebral se movimente.

Circulação do líquido cerebroespinhal (Líquor)

No corpo humano ocorre uma função muito especial que é absolutamente essencial para uma boa saúde. Trata-se da circulação do líquor por todo o sistema nervoso. O líquor é produzido no cérebro e distribuído ao sistema nervoso através da ação pulsadora suave de três bombas. A primeira bomba está situada no crânio, na fonte da distribução, a segunda está situada na intersecção do crânio (osso occipital) e o pescoço e a terceira bomba está situada na pélvis (sacro). Este movimento de pulsos tem lugar a cada quatro segundos e se denomina “Movimento Respiratório Primário (M.R.P.)
A Bomba do Sacro

Um minuto de movimento rítmico regular entre o occipício e o sacro faz com que o líquor circule ao redor do cérebro e da medula espinhal e ao longo de todo o sistema nervoso. A bomba do sacro é o sistema circulatório do cérebro e da medula espinhal e sua função é essencial a fim de gozar de boa saúde.

A Coluna e a Pélvis

A base da estrutura humana é a pélvis. A pélvis suporta a coluna e o crânio, os ombros e os braços e abaixo dela, as pernas e os pés. Os órgãos internos estão suspensos por ligamentos acoplados à coluna e à pélvis. Os grandes músculos da parte superior da coxa e os músculos importantes das costas, incluindo aqueles responsáveis pela estabilidade do pescoço e do ombro, estão fi xados na pélvis. Todas estas estruturas devem estar equilibradas, coordenadas e mantidas por uma pélvis estável a fi m de produzir a ação nervosa normal.

O que é a Técnica sacro Occipital (S.O.T.)

A técnica sacro occipital (S.O.T.) é um conceito novo, amplo e avançado de quiropraxia, iniciado e desenvolvido através de estudo, investigação e aplicação clínica por parte do Dr. M.B. DeJamette. Durante mais de meio século, o Dr. DeJamette investigou e estudou todos os aspectos da fisiologia e da anatomia e descobriu clinicamente que a distorção estrutural humana recai em três grupos básicos. Ele classificou estes grupos como categorias I, II e III. Neste e em outros panfletos trataremos de apresentar cada uma destas categorias.

Estresse

Ao nascer, o corpo humano tem saúde máxima e tolerância máxima e está assintomático. As lesões se produzem muito cedo, em forma de lesões de nascimento (parto com fórceps), quedas, golpes e choques. O corpo se adapta e compensa estas lesões.

À medida que crescemos, o corpo fica constantemente sujeito ao estresse.

Físico
Dietético
Ambiental
Emocional
Traumático

Todo este tempo o corpo está livre de sintomas. À medida que o estresse vai se acumulando ao longo de nossa vida, a tolerância natural (a resistência) se reduz mais e mais, e a capacidade de compensação e adaptação do corpo é cada vez menor. Mudanças estruturais, principalmente na coluna e na pélvis, afetarão o equilíbrio e a estabilidade da bomba sacro occipital. Os pulsos por minuto entre o occipício e o sacro serão irregulares e mudarão o fluxo livre do líquor. Isto ocasiona uma mudança de pressão do líquor, aumento das toxinas, perda de nutrição e uma falha na transmissão da energia nervosa essencial.

Finalmente, conclui-se que há uma adaptação e compensação máximas e uma tolerância mínima.

Uma condição estabelecida ou o processo de uma enfermidade posterior fazem com que os órgãos e seus sistemas funcionem indevidamente e produzam dor e sintomas. As categorias I, II e III indicam um desgaste gradual na amplitude de adaptabilidade fisiológica, e à medida que a tolerância declina, a coluna e a pélvis se deterioram da categoria I a II e da II a III. O objetivo do quiropraxista é de restablecer a estabilidade estrutural, melhorando a função neurológica e a tolerância, invertendo a categoria III a II e da II a I. Com um nível mais alto de tolerância o corpo pode compensar e se adaptar melhor, os sintomas são eliminados e aumenta a amplitude de adaptabilidade fisiológica, alcançando um nível mais elevado de saúde.

Cuidado Quiropráxico

O quiropraxista está especifi camente qualificado para estabilizar a coluna e a pélvis e restaurar o equilíbrio normal do mecanismo da bomba do sacro. Somente quando a bomba do sacro faz circular o líquor, o sistema nervoso funcionará ao nível a que fora designado. Sempre que os canais de comunicação do nervo se encontram abertos, o cérebro diagnosticará as necessidades do corpo e dirigirá uma resposta correta a essas necessidades. Normalmente, todas as sustâncias químicas e os hormônios necessários para a vida e a saúde, são elaborados pelo corpo e prescritos pelo cérebro da forma mais exata.

Para a pessoa enferma, o quiropraxista é um meio de restaurar a saúde mediante a abertura dos canais do nervo, a fim de que o corpo possa recuperar-se sozinho. Para a pessoa saudável é um check-up periódico que assegura a correção precoce da distorção espinhal e a possível falha do nervo.

Tratamento

A técnica sacro occipital (S.O.T.) não é uma terapia que trata enfermidades nomeadas. É um sistema que suprime a causa do mal funcionamento de um nervo utilizando uma força mínima para restaurar e manter a saúde.

S.O.T. emprega o uso de blocos em forma de cunha para permitir que o corpo busque seu alinhamento e equilíbrio corretos. Existem muitas combinações de posições dos blocos, e estas se determinam mediante testes que antecedem cada ajustamento. S.O.T. reconhece a importância da linguagem do corpo em forma de testes neurológicos, músculos debilitados, áreas sensíveis e outros sinais e indicadores, para determinar o tipo de ajuste necessário. Assim que o corpo responde e se cura, as áreas de estresse ao redor do corpo são eliminadas e os níveis de tolerância natural são restabelecidos.

Cuidado em casa: sua responsabilidade

A cura é um processo que somente o seu corpo pode facilitar. Sendo assim, é sua responsabilidade comer corretamente, descansar, reduzir o estresse e seguir as instruções do quiropraxista. A recuperação da saúde está diretamente relacionada com o cuidado e conselhos que você recebe. Depende de você cooperar de forma correspondente.