QUIROPRAXIA E HÉRNIA DE DISCO - Rodney Mutter B.Sc., D.C. | Doutor em Quiropraxia

QUIROPRAXIA E HÉRNIA DE DISCO

Por mais de um século, a Quiropraxia trata com sucesso os sintomas associados à hérnia de disco e desgaste da coluna vertebral. Para resolver os sintomas é necessário entender um pouco mais sobre o funcionamento da coluna.

A coluna é formada por 24 vértebras mais o sacro, o cóccix e os dois ílios, que são responsáveis pelo suporte, mobilidade e proteção do corpo. Entre cada dois ossos existe um disco cartilaginoso que funciona como amortecedor e também ajuda na mobilidade e proteção. O estresse de nossa vida, as quedas, grandes e pequenas, má postura, má alimentação, traumas do esporte, etc, geram estresse e desalinhamento das vértebras, que sobrecarregam os discos, fazendo com que um ou outro perca sua integridade e “saia do lugar”. Isso é uma protrusão discal. Quando o alinhamento da coluna não é restaurado, a pressão continua em cima dos discos e, com o tempo, movimentos errados podem resultar em uma hérnia de disco ou “protrusão maior”.

Mesmo quando os discos estiverem com hérnia, não quer dizer que seja um caso perdido. Basta remover o que está pressionando o disco para que ele possa ficar mais folgado. O próprio corpo com o tempo vai “secando” o disco até o ponto em que ele não possa mais incomodar.

Normalmente a hérnia de disco não causa nenhum sintoma. Existem pesquisas que mostram que entre 70 a 80% dos adultos têm hérnia de disco e não sabem o porquê. Nestes casos, o disco escapou do seu lugar, mas não chegou a agredir o nervo. Outras vezes, os discos são pressionados demais e começam a afetar os nervos que se localizam por perto, causando dores, principalmente “ciática”, ou seja, inflamação e dor no nervo ciático que passa da coluna lombar até o pé.

Lembrando que essas hérnias são causadas por anos de estresse, é importante lembrar que a “cura” correta é mudar os hábitos que criaram esse problema, além de corrigir os sintomas. Tomar medicamentos que “mascaram” os sintomas, sem corrigir o problema, é como desligar o alarme da casa sem tirar o ladrão. Na maioria dos casos, a cirurgia é desnecessária. Assim como os medicamentos, a cirurgia corrige os sintomas sem lidar com a causa, que foi o desalinhamento da coluna vertebral.

O tratamento quiropráxico, quando feito por um profissional qualificado, pode corrigir o alinhamento da coluna, aliviando a pressão sobre os discos e restaurando o equilíbrio do corpo. No momento em o nervo fica mais folgado, pára de passar o sinal de dor e a pessoa pode retomar suas atividades normais.

A próxima fase é um processo interno do corpo, que acontece sem que o “dono” perceba, ou seja, o corpo começa a cicatrizar e, o mais importante, “secar” o disco para que ele não avance em áreas a que ele não pertence. De fato, o disco, em um caso avançado, não consegue cumprir mais sua função, mas o corpo toma outras medidas de compensação. As vértebras acima e abaixo do disco criam osteófitos ou os famosos “bicos de papagaios”. Estes não são nada mais do que uma calcificação dos ligamentos (no raio-x parece que as vértebras estão crescendo) com a intenção de firmar a articulação. A conseqüência principal deste processo é menor mobilidade nesta região do corpo, que normalmente não é uma restrição que se perceba no dia a dia. Portanto, lembre-se que cirurgia normalmente não é necessário, basta direcionar e apoiar o corpo nesta fase para que o paciente possa viver sua vida e manter atividades diárias normais durante a cicatrização da hérnia.

Além disso, todos nós profissionais, que trabalhamos na área da saúde, devemos mostrar ao paciente um caminho mais saudável, para evitar assim, problemas no futuro.

60 respostas para “QUIROPRAXIA E HÉRNIA DE DISCO”

  1. Camila Bellini disse:

    Ola, gostaria de saber se os ajustes e manipulaçoes Quiropraticos, em caso de Hérnia, sãolocalizados exatamente nas vertebras acometidas, por exemplo L5-S1, ou se caso não, se ela é realizada nas vertebras proximas apenas para aliviar a pressão

    • Rodney disse:

      Boa tarde Camila. Cada profissional trabalho um pouco diferente. Pessoalmente quando trato qualquer paciente, trato todos os articulações “disajustadas”. Normalmente isso envolve, no exemplo que tu perguntasse, as vértebras a baixo e acima da hérnia. E também é provavel de encontrar ouras vértebras na coluna desajustadas independente do seu involvement na hernia ou não. Também sempre acho importante de alinhar primeiramente o pelve sendo que o alinhamento da coluna depende disso.

  2. Fernanda disse:

    Olá! Possuo duas hérnias de disco extrusas em L4-L5 e L5-S1. Em L4-L5 existe uma leve estenose do canal vertebral. A quiropraxia vai me ajudar? Obrigada!

    • Rodney disse:

      Boa tarde Fernanda, é exatamente casos assim que trato todos os dias. Quiropraxia ajudaria muito com as sintomas. Na maioria dos casos que trato é possivelmente voltar uma rotina totalmente normal. Importante comentar que o processo de extrusão pode sim recuar porém não volta para um estado integra como era antes da extrusão. O corpo com tempo vai secando o material discal que extrasou. A quiropraxia ajude então o corpo conviver “na boa” com a situação enquanto essa cicatrização acontece.

  3. hugo disse:

    Boa noite, quero perguntar se a quiropraxia neste relatorio que escrevo tem cura, obrigado e agradeço uma breve resposta
    Atenuaçao da lordose lombar e ténue escoliose/atitude escoliotica sinistro convexa.
    Em L4-L5, protusao discal posterior com componente herniario postero-lateral esquerdo, aparentemente extrusado e projetado cranialmente, condicionando estenose foraminal – eventual radiculopatia L4 esquerda.

    • Rodney disse:

      Boa noite Hugo! Tudo que você relatou acima eu trato no Consultorio. Já vi muitas casos de escoliose, alguns com excelentes resultados, outros que mantive uma curvatura depois dos sessões porem ficaram sem dor e com mais mobilidade. A protrusão discal/hernia é um achado comum na vida adulto e as sintomas relacionados, na maioria dos casos, somem com tratamento quiropraxico. A radiculopatia (consequência da hernia) deve passar sim, depois de estar “ajustado”.

  4. GRAZIELA disse:

    BOM DIA!
    MINHA FILHA TEM 17 ANOS E FOI DIAGNOSTICADA COM HERNIA DE DISCO L4,L5 E S2 CONGENITA.
    NESSE CASO A QUIROPRAXIA É INDICADA

    • Rodney disse:

      Oi Graziela, gostaria saber mais informações tipo se houve estenose do canal, e quais são as alterações das vértebras antes de poder responder melhor, mas ja posso antecipar que – “como regra” quiropraxia sempre ajuda, no mínimo com conforto, mobilidade e qualidade de vida. Aguardo mais informacoes.

  5. Rosane disse:

    Em quantas sessões a quiropraxia descomprime e põe a L4,L5 e S1 no lugar?Já fiz 4 sessões, faltam 2 e ainda tenho muitas dores no ciático e na lombar

    • Rodney disse:

      Oi Rosane, na minha experiência aqui na clinica, na maioria dos casos, cada sessão traz resultados e normalmente entre 4 e 6 consultas tenho ótimos resultados. Existe alguns casos raros que demora um pouco mais. É importante lembrar que os ajustes no põem o disco no lugar. O “alinhamento” que vem dos ajustes ajuda sim tirar a pressão entre o nervo e o disco mas nao chega repor o estado “original” do disco. Nenhum tratamento consegue isso. Depois que rompe o material discal, os ajustes conseguem na maioria dos casos aliviar o dor, e devolver uma rotina normal, enquanto que o corpo “seca” o material discal que vasou.

  6. Boa tarde! Me chamo Claudionor, e a 05 meses venho sofrendo por causa da hérnia de disco L5 s1 wue esta comprimindo o nervo ciático. É possível o alívio das dores através da
    quiropraxia

  7. Samoel disse:

    Tenho 2 hernias de disco na região cervical, entre c4 e c5 e c6 e c7, que estão comprimindo medula e nervo braquial, a quiropraxia pode me ajudar nesse caso? Existe algum risco pela proximidade com a medula?

    • Rodney disse:

      Oi Samoel, é exatamente este tipo de caso que trato todos os dias. Meus ajustes são específicos e a “pressão” é bem calculado, então é muito difícil que poderia machucar a medula. A “proximidade” da medula seria o mesmo em todos os casos então seu diagnóstico não consta mais um risco do que um outro paciente. Posso sim te ajudar.

  8. Elemar disse:

    Olá, tenho 36 anos sou motorista estou em tratamento a 4 meses o resultado na RM, protusão discal na l5s1 fiz 30 sessões de fisio já tomei tramal, codeina só calmou com oxicodona. A quiropraxia pode me ajudar não consigo ficar sentado por mais de 30 minutos pois a dor vai aumentando até ficar insuportavel.

    • Rodney disse:

      Bom dia, como pode ler nos outros postagens, este tipo de caso responde muito bem a quiropraxia. É o que eu mais trato aqui e com muito sucesso. Os remédios que você tomou, não poderia “corrigir” o que esta causando seus dores, e o fisio ajuda muito com algumas sintomas mas em nosso visão de quiropraxia o que realmente é necessário são “ajustes” específicos da coluna devolvendo sua alinhamento para reduzir a pressão em cima do disco. Resumindo, creio que sim posso te ajudar.

  9. Eliana Pereira da Silva disse:

    boa noite Rodney
    me chamo Eliana tenho uma hernia PROTUSÃO DISCAL DIFUSA L4-L5
    PROTUSÃO DISCAL DIREITA EM L5-S1
    sinto dores constantes ja cansei de tomar voltaren injeção e fiquei sabendo que a voltarem prejudica o figado, tenho 44 anos e ah pelo menos 20 anos sinto dores, ja cheguei a travar no meio da rua por duas vezes.os medicos ja chegaram a falar em cirurgia mas me disseram que eu teria 50% de chance de cura e 50% de chance de ficar em cima de uma cama, fiquei apavorada e não fiz a cirurgia. Hj convivo com a dor que repuxa para perna direita, preciso trabalhar e sinto muitas dores principalmente ao acordar…fiquei sabendo dessa massagem e gostaria de saber se não corro nenhum risco de piora no meu quadro se eu fizer e gostaria de saber também se ja sinto melhora na primeira vez que fizer e de quantas sessoes são necessarias para melhora…aguardo anciosa sua resposta pois dependendo dela irei decidir se procuro o massagista ou não, tenho medo confesso, lembrando que ja fiz acumpuntura e não gostei, pra mim piorou a dor. Desde ja meu muito obrigada. Abraços eliana.

    • Rodney disse:

      Boa tarde Eliana,
      Trato casos como seu, todos os dias e com ótimos resultados. Normalmente os pacientes já tem melhoras a partir da primeira sessão. Quantos no total depende de cada caso, mas peço que os pacientes novos se preparam para 4 a 6 consultas para ter um resultado muito bom!
      Se queres marcar uma hora, me aviso e peço que a secretaria entre em contato contigo.

  10. jose augusto disse:

    boa noite! tenho 2 hernias l4 l5 e tem bem grande, sinto muita dor na perna direita!
    fui no medico e me falou que o caso é cirurgico.
    gostaria de saber se tem alguma outra forma de tratamento ou para aliviar a dor?

    • Rodney disse:

      Boa tarde! Trato todos os dias casos de hérnia de disco e com muito sucesso. Por mais de 100 anos quiropraxia trato com muito eficiência casos como seu. O tratamento de quiropraxia normalmente resolve o dor e permite voltar uma rotina totalmente normal.

  11. salimo hatia disse:

    Boa noite chamo me salimo hatia de moçambique fui diagnosticado atraves de ressonancia magnetica o seguinte: pequena hernia discal intraformainal esquerda L4-1,5 e minima protusao discal paramediana direita L5-S1.trabalho como operario numa fabrica de aluminio gostaria de pedir a sua ajuda quanto a este diagnostico sera que posso fazer trabalhos pesados.agradeço a sua ajuda

    • Rodney disse:

      Oi Salimo, Este tipo de caso responde muito bem a quiropraxia. Em relação a sua capacidade de trabalhar, normalmente depois de poucos ajustes os pacientes retornam uma rotina normal, incluindo trabalhando com peso. Aproveito para lembra que hérnia discal é algo “normal” que acontece na vida da maioria das pessoas, e no visão de quiropraxia, raramente precisa algum intervenção cirúrgica.

  12. Guilherme Barretto disse:

    Dizer que hérnia de disco não causa dor como cita a matéria é calunia. dói sim e muito !!

    Iniciarei a quiropraxia para tentar aliviar as dores de uma hérnia extrusa L5S1 e peço a Deus que funcione .

    minha pergunta é se com o alinhamento periódico e aumento dos espaços intervertebrais descomprimindo as vértebras essa hernia regride.

    Obrigado

    • Rodney disse:

      Bom dia! Não falei que hérnia não causar dor. Muitos pessoas sofrem demais com hérnia. Mas a maioria da população adulto tem hérnia e não sabe porque não doi (em todos os casos). E mesmo quando chegar doer muito, normalmente responde sim, e muito bem a Quiropraxia. Um tratamento intensivo, com sequencia de ajustes periódicas, na maioria das casos, resolve, mas não no sentido que regride a hérnia, ele simplesmente fique “melhor posicionado” enquanto que o corpo começa a “secagem” do material discal que vazou.

  13. Tania Noro disse:

    Boa noite, tenho 50 anos, estou pesquisando e gostaria de informação a respeito do realinhamento da coluna, sinto muita dor na lombar, limitando os movimentos, desce uma dor na perna direita e braço direito, na ressonância deu o seguinte diagnóstico:
    * Alterações degenerativa Modic tipo I, junto aos platôs vertebrais de L4-L5
    *Discreta redução de altura e de intensidade de sinal nas imagens em T2 do espaço intersomático de L4-L5, indicativo de degeneração do disco. Protusão discal difusa neste nível, exercendo leve indentação na face ventral do saco dural.
    * Leve desidratação parcial dos discos invertebrais de L2-L3 e L3-L4, sendo observado mínimas protusões discais difusas, as quais tocam levemente a face ventral do saco dural.
    * Discretas alterações degenerativas nas articulações interapofisárias de L4-L5 e L5-S1.
    * Cone medular de aspecto anatômico.
    Quero saber se posso fazer o tratamento? Devo consultar um médico antes? Devo levar a ressonância para avaliação?
    obrigada , aguardo retorno.

    • Rodney disse:

      Boa noite Tania! Estes achados são comuns e “normal” de encontrar nos exames neste idade. Na minha experiência clinica, os achados, não são preocupantes e respondem muito bem tratamento quiropráxico. Pode marcar uma consulta direto aqui e é bom trazer os exames juntos para poder explicar melhor os achados e a significada de cada um e relação com seus dores atuais.

  14. Rosangela dutra silveira disse:

    Boa tarde !!Dr tenho 47 anos e ate seis meses atras nunca tinha tido uma dor na coluna ai começou doer meu braço ea perna fui ao medico fiz uma ressonancia fui descobrir que naci com um problema congenito duas vertebra da minha coluna naceram sem disco e uma terceira disco lela metade por conta disso me deu uma hernia de disco com leve pressao na medula todos os medicos dizem que rem que operar sera que a quiropraxia pode me ajudar ?

    • admin disse:

      Boa tarde Rosangela. Teria que ver seus exames para entender mais especificamente seu caso, mas parece um caso que cabe dentro da alcanço da Quiropraxia. As hérnias acontece com tempo e depois de 40 anos é comum de encontrar. Na maioria dos casos respondam muito bem tratamento quiropraxico. Se tu és do sul, podemos marcar uma consulta para melhor conhecer teu caso.

  15. Afonso disse:

    Boa noite,
    Tenho uma hérnia de disco na L4 L5 á qual já fui intervencionado em 2006, e agora voltou, será que posso tratar através da quiropraxia.
    Cumprimentos,
    Obrigado,

    • admin disse:

      É possível sim. É comum que as hérnias voltam depois da cirurgia porque não foi corrigido o mal alinhamento das vértebras que causou a hérnia. Quiropraxia tem como seu base o objetivo de restaurar o máximo de alinhamento do esqueleto e mobilidade articular, assim evitando maiores distúrbios e dando um maior chance a saúde.

  16. Ivan disse:

    Olá Dr. Tinha uma hérnia entre o L4 e L5 e comprimia o nervo dando dor na perna até o final da canela
    Fiz vários tratamentos e até osteopati, mas não resolveu, dai fiz a cirurgia.
    Um semana após a cirurgia já voltei sentir dor na perna.
    Ainda estou em recuperação pós cirurgia e com a dor.
    Vou fazer nova ressonância mas estou preocupado
    Já viu casos assim? Já tratou pós cirurgia?
    Ou será essa dor é porque manipularam o nervo para afastar e cortar a hérnia?
    O médico disse que tbem tinha uma calcificação na vértebra e isso tbem está pressionando o nervo
    Obrigado

    • admin disse:

      Boa tarde Ivan, É comum que o dor que justificou a cirurgia fique depois o mesmo. Também é possível sim, que seja uma sintoma temporário devida a cirurgia em si, ou também é possível que a cirurgia realmente não alcançou o que realmente iniciou o dor. Trato pacientes com frequência pós cirurgia, porem tenho que sempre avaliar o tempo de cura da cirurgia antes de manipular. Quanto tempo pós cirurgia tu estas no momento? Se a calcificação for importante, no sentido de estar causando o dor, ele provavelmente teria tratado isso junto com a remoção do material discal.

  17. Andre disse:

    Boa noite dr. gostaria de uma opinião, fui diagnosticado com a seguinte conclusão:
    – espondiloartrose cervical, com sinais de uncoartrose C6 C7, reduzindo a amplitude dos forames neutrais correspondentes.
    – discopatia degenerativa nos múltiplos níveis cervicais.
    – hérnia paramediana posterior à direita do disco intervetebral C5 C6, associada à pequeno complexo disco-osteofitario, determinando compressão sobre a face anterolateral direita do saco dural com extensão foraminal homolateral, mantendo íntima relação com a raiz nervosa desse lado.
    – leve protrusão posterior difusa do disco intervertebral C6 C7, associada a complexo diaco-osteofitario, determinando compressão sobre a face central do saco dural.

    Tenho 37 anos treino musculação e luto jiu-jítsu, meia sintomas foram de crise de dor durante 3 dias, veio derrepente, procurei 3 médicos e todos indicam cirurgia de troca de disco, perdi bastante força no meu braço direito e na mão, fiz o exame nos nervos do braço e constatou forte
    Compressão sobre eles, contudo não sinto mais aquela dor insuportável, somente estou sem forças no braço, estou melhorando? Ainda preciso de cirurgia? Quiropraxia resolveria neste caso?

    • admin disse:

      Andre,
      Seu caso é um caso clássico que trato com Quiropraxia semanalmente e provavelmente ajudaria sim. Não posso responder detalhes específicos sem consultar, conhecer mais o caso, ver o corpo e seu estado, mas aproveito este email para falar que a maioria dos achados clínicos que aparecem nos exames estava presente muito antes do seu crise. Ou seja, não é tudo no laudo que causou os dores!
      Qualquer forma poderia te ajudar.

  18. Rita disse:

    Olá, Dr. No meu caso, acabo de descobrir um abaulamento do disco derivado de uma hérnia entre L4 e L5 que está pressionando a raiz nervosa e medula. Depois de 15 dias de cuidados médicos com medicamentos (IV e comprimidos analgésicos e antiinflamatórios), ainda sinto dores nas pernas. Mas o que me incomoda mesmo é o fato de que desde a musculatura pélvica, glútea até o final da perna esquerda, estão totalmente dormentes e doloridos! Já vi relatos de que diante desta dormência insistente não haveria outra solução senão a cirurgia, porém, eu acredito muito mais em terapias alternativas. A quiropraxia pode me ajudar?

    • Rodney disse:

      Oi Rita, Boa noite. Recebo pacientes com essas mesmas sintomas e sim, na maioria dos casos, dar para melhorar sim. Não é o grau das sintomas que indica a seriedade do caso. O que você relata é um caso clássico de ciática e tenho muito sucesso com isso. Normalmente a primeira sessão já dar uma resposta significativa. Não sei se você é do Sul, mas se for e posso te ajudar seria um prazer.

  19. Willame Velasques disse:

    Olá Dr.. recentemente fui diagnosticado com PEQUENA PROTUSÃO DISCAL l5 S1 e pequena desidratação do disco L5 S1.. confesso que fiquei muito triste em saber desse diagnóstico pois eu sou novo (23 anos) prático academia.. corro diariamente e por levantar um peso de forma errada me ocasionou isso.. o pior de tudo é que estudo diariamente para um concurso que tanto almejo (Polícia Federal e Rodoviária Federal ) e fiquei muito desmotivado depois disso.. com medo de ser reprovado no exame médico cãs eu passo na primeira etapa.. depois disso eu mudei completamente meus hábitos (todos).. deitar.. levantar.. agachar.. ficar em pé.. dobrar na cama.. tudo que eu fazia de errado.. fiquei paranóico na verdade em querer melhorar disso.. fiz sessões de fisioterapia RPG.. confesso que melhore muito.. sinto poucas dores.. mas sei q a lesão ta lá e se n cuidar ela volta pior ou se torna uma HÉRNIA DE DISCO coisa que meu médico disse que não corro o perigo mas eu ñ acreditei muito depois de ver em alguns blogs… a quiropraxia pode me ajudar nesse problema? Isso pode cicatrizar e o disco parar de se regenerar? Isso é um sinal certo de eu ter uma hérnia de disco? é possível ver essa lesão em um exame de raio x da coluna cervical (esse é meu medo no concurso que pretendo fazer? posso futuramente levar uma vida normal como de antes? Correr.. nadar.. academia.. caminhar em trilhas (adoro fazer isso.. sempre fiz?… Grato pelo espaço e aguardo anciosamente pelo retorno.. desculpe os erros de português é q estou visitando sua página pelo celular.. abraços

    • Rodney disse:

      Boa tarde Willame. Protrusão discal é algo normal que acontece na vida adulto. 23 anos talvez seja um pouco cedo, mas com seu histórico que você contou, é possível sim. Os discos são tecidos moles, e sofrem quando houve força desnecessário ou em excesso. Não existe uma forma de cicatrizar eles direto, ou seja – machucou e não volta mais – POREM, seu corpo tem todo capacidade de lidar com isso e mesmo se fosse uma hérnia, é algo que o corpo tem como tratar, e conviver com a cartilagem que “restou”. A maioira dos adultos tem protrusão ou hérnia, e nem sabe. É algo totalmente comum e muitas vezes diagnosticado em excesso. No sentido que pessoas que tem protrusões ou hérnias mas não sinto dor devido isso, e num exame clinico o medico poderia associar algum dor na região com a hérnia, simplesmente porque ele viu no exame. Seja responsável com seus atitudes e é muito provável que tu não vai te incomodar com isso. É provável que a maioria dos seus colegas já tem ou vão ter isso e nem sabe. A diferencia é que “você ficou sabendo”. Vai atrás dos seus sonhos, e não desiste por causa disso não. Com tempo você vai entender a capacidade que seu corpo tem de cicatrizar e te acompanhar.

      • Willame Velasques disse:

        Obrigado Dr pelo retorno.. isso significa q vou ter hérnia de disco? Os exames solicitados são RX da coluna cervical.. lombar e sacra.. essa Protusão aparece nesses exames De? Lhe encaminhei uma foto do meu exmae para seu email demonstrando o tamanho da minha lesão (meu ortopedista disse q vou ficar bem mas eu morro de medo de ter uma hérnia )se n for muito incômodo gostaria q o Sr me retornasse. Amanhã começo minha primeira sessão de quiropraxia aqui na minha cidade e estou muito disposto a me tratar disso.. ao menos manter essa lesão degenerativa. Abraços

        • Rodney disse:

          Bom dia,
          Como expliquei no email anterior em algum momento futuro você, como eu, vai ter uma hérnia. É algo normal que acontece durante a nossa vida, e a maioria das pessoas que tem não sabem e o corpo resolve tudo sozinho. Pode ser que acontece neste nível aonde já consta a protrusão, ou pode ser mais em cima, ou um abaixo.
          Seja responsável, tocar sua vida, e não te foca tanto nisso não.
          A ressonância é o exame mais correto para diagnosticar a hérnia. Raio-x’s não aparece hérnia porque não mostra “tecidos moles” com nitidez para diagnosticar algo assim.
          Hérnia pode vir no cervical, torácica ou lombar.

  20. SIMONE disse:

    Bom dia, tenho um disco fora do lugar na coluna cervical. A indicação de 2 medicos é de cirurgia para retirar e substituir o disco e de outro tentar outros metodos antes da cirurgia, como pilates. Gostaria de evitar a cirurgia mas tenho muitas duvidas pois me disseram que outra lesao pode ser fatal. Porem tenho pesquisado sobre acuputura e quiropraxia, gostaria de saber quais sao as minhas chances com este metodo. Laudo: discopatia degenerativa c3-c4 com edema discal. Barra disco-osteofitaria posterior difusa c3-c4 que causa leve deformidade na margem adjacente da medula espinhal, reduzindo focalmente o diametro anteroposterior do canal raquiano. Leve edema ou area de malacia intramedular no nivel c3-c4 (hipersinal em t2). Obrigada

    • Rodney disse:

      Oi Simone, seu diagnostico de hérnia, trato semanalmente e com muito sucesso. Então sim acredito que vale muito a pena consultar um quiropraxista. A barra disco-osteofitaria também é comum e normalmente não complica as melhoras. Cada caso tem que ser avaliado sendo que tem fatores de cada um que devem ser considerado mas acredito que vale muito tentar antes de considerar qualquer procedimento mais invasiva.
      Em relação a sua outra pergunta acima de Crefito. Quiropraxia não é uma área de fisioterapia (porem tem algumas profissionais formado nas duas áreas) então o site do Crefito não vai te ajudar. Existe 2 faculdades só, no Brasil que oferecem curso reconhecido (pelo MEC e pela as organizações internacionais de quiro). Um é Feevale aqui em RS, e o outra é Morumbi em SP. Existe um site da ABQ (associação Brasileiro de Quiropraxia) que tem por estado os formados MAS não são todos os formados que participam! Eu por exemplo não participo deste organização. Quando procura alguém, procura que estejam formados ou nos EUA (como sou), Inglaterra, Africa, Australia, ou um das 2 lugares aqui no Brasil. Ok?

  21. Claudio disse:

    olá, gostaria de saber se a quiropraxia pode me ajudar, tenho protusão discal, edema nos ligamentos interespinhosos e retificação parcial, obrigado!!

    • Rodney disse:

      Boa tarde Claudio,
      Acredito que Quiropraxia pode te ajudar sim. Protrusão discal, é uma “ocorrência” que acontece na vida da maioria dos adultos. Na maioria dos casos é indolor e mesmo quando não for, é tratável. A edema geralmente acompanhe porque a região esta “em atrito” e a retificação, também, é algo muito comum.
      Resumindo – acredito que se beneficiaria com o tratamento sim

  22. Angela disse:

    meu marido tem 38 anos, e tem hérnia lombar. Senti muitas dores e agora também dormência da panturrilha até as os dedos do pé, já tomou injeção, fez fisioterapia e até acupuntura, mas nada melhora e o médico disse que ele precisa fazer cirurgia, mas ele não quer fazer cirurgia. À quiropraxia pode ajudá-lo? Desde já agradeço .

    • Rodney disse:

      Bom dia Angela,

      Isso é um caso clássico que trato, e todos as sintomas que você relatou são muito comum com a hérnia. Na maioria dos casos a indicação dos médicos é cirurgia sendo que é o ferramenta que eles tem, porem trato e resolvo a maioria destes casos com quiropraxia, sendo que nossa ferramenta é manipulação assim devolvendo para o corpo um alinhamento mais correto e na maioria dos casos, tirando pressão do disco no nervo e sim aliviando as sintomas.

  23. Olá, fiz RM e no laudo deu hernia de disco extrusa comprimindo nervo L4L5 , peço informações se nestes caso so cirurgia mesmo… agradeço e peço seu email ou telefone. Onde vc trata , local? gratos

    • Rodney disse:

      Boa tarde André Luis,
      Trato casos de hérnia diariamente e com muito sucesso!
      Hérnia de disco acontece em mais de 80% da população adulto e na maioria dos casos, responde muito bem a quiropraxia. Acredito que tranquilamente posso te ajudar e normalmente o resultado é muito rápido.

  24. Hilda Paschoalinotto disse:

    tenho hérnia de disco L4 L5, extrusa com ciatalgia perna esquerda, hoje calcificada após muito tratamento. Porém ainda tenho muitas dores nas costas, quadril, faço fisioterapia, RPG, Piates, e as dores continuam. A quiropraxia pode ajudar-me a resolver essas dores?obrigada

    • Rodney disse:

      É um caso bastante clássico para Quiropraxia e acredito que sim ajudaria. Se realmente houve calcificação já no L4 e L5 então é possível, talvez provável, que os dores que continuem são devido uma desalinhamento que restou e não a hérnia em si. Qualquer forma creio que seria muito valido uma consulta quiropraxico.

  25. Rogério disse:

    Bom dia.
    Gostaria de saber se é possível tratar com sucesso, hérnia de disco em L5-S1 na lombar com a QUIROPRAXIA, a qual fui diagnosticado? Pois sinto fortes dores. O médico indicou um procedimento chamado NUCLEOPLASTIA. Tenho 34 anos 1.80m e peso 96kg.

    • Rodney disse:

      Trato casos assim diariamente com Quiropraxia e com muito sucesso. Hérnia de disco é algo muito mais comum do que as pessoas imaginam e muito mais fácil de tratar do que seja passado “na mídia”.
      Você é muito novo e deve responder rápido.

  26. Elias disse:

    Tenho hernia de disco lombar foraminal esquerda extrusa entre L3 e L4. A quiropraxia poderia me ajudar a evitar a cirurgia ?
    Já fiz RPG mas os efeitos duram pouco tempo ( algumas horas ).

    • Rodney disse:

      Elias, Boa tarde. Trato casos como seu todos os dias e com muito sucesso. Este tipo de caso è bem clasico do que nos tratamos com Quiropraxia. Hernia de disco è algo comum que acontece durane a nossa vida e nao è necessario tolerar sintomas associadas com o mesmo. Pode marcar uma hora para conversar mais e iniciar tratamento.

  27. viviane disse:

    GOSTARIA DE SABER SE A FISIOTERAPIA TRAdicional pode me ajudar ou é melhor quiropraxia para tratar protusão l3-l4 l4-l5 l5 -s1 que tanto me incomondam e se protusão tocando saco dural causa mal estar cabeça pois depois que tive esse diagnóstico venho tendo mal estar cabeça todos os dias .POIS A PROTUSÂO toca duramater que é ricamente inervada e essa mesma recobre cranio poís sinto pontadas na cabeça e choques pelo corpo estou certa de atribuir isso a coluna . OS médicos reprovam o que digo sou técnica enfa ,

    • Rodney disse:

      Oi Viviane, Desculpe pela demora mas estava recuperando meus dados depois de uma perda do meu notebook e nao estava conseguindo acessar meu site e estes emails. Seu caso è justamente o tipo de caso que trato diariamente aqui no consultorio. Acredito que sim teria muito sucesso com meu tratamento. Basta ligar para marcar uma consulta e podemos iniciar o tratamento. Abraço, Rodney

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *